domingo, 9 de agosto de 2015

Eleições do DCE da Univalli e as perspectivas para o próximo semestre



Igor Smaniotto

Retomamos as aulas nesse segundo semestre com uma nova gestão no DCE da Universidade do Vale do Itajaí - Univali, em Santa Catarina, consideramos importante uma avaliação do último período, pois queremos dialogar com os estudantes da nossa Universidade os rumos que devemos seguir.

A corrida eleitoral para o DCE da Univali ocorreu discretamente. Foi criada uma página no Facebook para divulgação de todas as informações do processo eleitoral, entretanto a página não alcança nem 150 seguidores, em uma universidade com quase 15 mil estudantes. 

Fica a pergunta, de que forma a juventude está sendo interada dos assuntos que a rodeiam e como estão sendo envolvidos para o movimento? Objetivo de integração dos alunos ao movimento estudantil era o objetivo principal da antiga chapa que presidia o DCE, inclusive com declaração da ex-presidente em nota no site da Univali. O descaso de um mandato sem representatividade aos alunos, um mandato onde se viu o esquecimento e a falta de preocupação com as questões dos alunos na Univali e dos estudantes de forma nacional, mostra o rumo que tomou a antiga chapa eleitoreira da Univali, por fim terminaram derrotados nas urnas.

Vem ai outra gestão, outro mandato, o que esperar? Em declaração o presidente afirma que as propostas da antiga gestão eram utópicas. Embora não temos acordo com o método da gestão anterior é preciso afirmar a necessidade de pensar o movimento estudantil de maneira mais ampla que os muros da Universidade que é preciso estar em contato com outros CA´s, DCE´s e entidades de representação estudantil. Além da propostas locais precisamos de uma conexão, uma linguagem ampla para que a juventude como um todo possa conquistar o que é seu de direito, só essa emancipação, essa comunicação com diversos meios de representatividade da mesma, que não só a própria Univali, se faz necessário.

As lutas travadas pela juventude da campanha Público, Gratuito e Para Todos no 54º CONUNE (Congresso Nacional da União dos Estudantes), mostrou que parte da vitória do cargo da direção da UNE conquistado, se deu através de um diálogo amplo com diversos jovens de universidades diferentes de todo o país e na sua unidade da luta. Saímos vitoriosos e todo o esforço feito mostra ter valido a pena e o que parecia utópico se torna real graças a aproximação da juventude e sua organização. Além das conquistas, sempre vale a pena lutar. 

Esperamos que a chapa que assumiu o DCE, venha fazer esse trabalho de aproximar os estudantes das lutas da juventude, que faça isso de forma democrática e ampla. Mesmo fora da Gestão da Entidade a Campanha Público, Gratuito e Para Todos visa a ampliação de pautas que julga importante para jovens e trabalhadores e estará presente combatendo todo e qualquer tipo de opressão.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comentários anônimos serão excluídos, identifique-se. Se preferir entre em contato pelo e-mail: juventudemarxista@gmail.com