terça-feira, 11 de junho de 2013

Marxistas levam combate no Congresso da UNE por educação pública e gratuita para todos

Militantes da JM defendem tese "Pela retomada da luta por educação pública e gratuita para todos!"

O 53º Congresso da UNE (União Nacional dos Estudantes), que reuniu em Goiânia, entre 29 de maio e 02 de junho, cerca de 7 mil estudantes, sendo 3.764 delegados eleitos em faculdades de todo o Brasil, foi marcado pelas contradições de sua direção que, num contexto internacional de forte mobilização da juventude e também ascensão dos movimentos na juventude brasileira, encontra-se pressionada a questionar as políticas do Governo Federal, embora sua dependência a este não permita.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comentários anônimos serão excluídos, identifique-se. Se preferir entre em contato pelo e-mail: juventudemarxista@gmail.com