terça-feira, 7 de maio de 2013

Presidente de grêmio estudantil em Joinville - SC cobra respostas do governo


Em reunião, no dia 25 de Abril, o assunto debatido na Comissão de Educação da Câmara de Vereadores de Joinville foi a situação das escolas interditadas. 

Participaram da Reunião, além dos vereadores o Grêmio estudantil do Conselheiro Mafra, Ujes Joinville, Sinte Joinville e pais das Escola Juracy Maria Brosing. Como sempre nemhuma solução foi apresentada. A gerente regional de Educação, Dalila Leal, não compareceu, nem a Secretaria de Desenvolvimento Regional.
 
A Ujes acredita que precisamos seguir na luta unindo os grêmios estudantis por uma escola pública gratuita e para todos. O Governo só fará algo quando todos os estudantes pais e professores saírem às ruas! 

Veja o vídeo:


Fonte: Ujes

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comentários anônimos serão excluídos, identifique-se. Se preferir entre em contato pelo e-mail: juventudemarxista@gmail.com