sábado, 7 de fevereiro de 2009

JR envia a governos da Venezuela moção de repúdio ao assassinato dos trabalhadores da Mitisubishi da Venezuela

MOÇÃO DE REPÚDIO AO ASSASSINATO DOS TRABALHADORES DA MITISUBISHI DA VENEZUELA


Ao governador de Anzoátegui; e ao governo da Venezuela

A Juventude Revolução, organização de jovens que luta em defesa dos direitos dos filhos dos trabalhadores e pelo socialismo, repudia o brutal assassinato dos três trabalhadores da Mitsubishi da Venezuela.

É inaceitável a atuação da polícia estadual. Pedimos que seja tomada as mais duras medidas para punir os responsáveis.

Que crime cometeu os trabalhadores que ocuparam a fábrica em defesa de seus direitos e contra as demissões? É um crime defender os empregos? Não. Crime é atuação fascista da polícia, que atua como o braço armado da burguesia venezuelana que está desesperada com os rumos da revolução na América Latina.

Exigimos já:

- Fim da violência contra os trabalhadores da Mitsubishi ou quaisquer outros trabalhadores em luta!- Que todas as ações legais contra os trabalhadores sejam imediatamente suspensas!

- Investigação séria para apurar quem deu ordens para abrir fogo contra trabalhadores desarmados e que os responsáveis sejam punidos!

- Que o Governador de Anzoátegui, Tarek Willian Saab e o Presidente Hugo Chávez façam uma declaração pública sobre este incidente.

Todo apoio à luta dos trabalhadores venezuelanos e solidariedade de classe!

Viva a Revolução Venezuelana! E a luta pelo socialismo!

Brasil, São Paulo, 07 de fevereiro de 2009

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comentários anônimos serão excluídos, identifique-se. Se preferir entre em contato pelo e-mail: juventudemarxista@gmail.com